Primeira etapa da Campanha de Vacinação contra a febre aftosa chega à reta final

PUBLICIDADE

Foto: Janaína Pepeu

A Prefeitura de Caruaru, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural, informa que criadores de bovinos e bubalinos do município devem ficar atentos ao fim do prazo para a vacinação dos animais contra a febre aftosa. A primeira etapa da campanha para aplicação da imunização foi prorrogada até o dia 30 de junho, em virtude dos últimos decretos do Governo do Estado que restringiam a realização de algumas atividades na região Agreste, com intenção de conter os casos de contaminação da Covid-19.

 

Até o dia 21 de junho, 2.773 bovinos e bubalinos já haviam recebido a vacinação, sendo 941 animais no 1° distrito, 821 no 2°, 151 no 3°, 681 no 4° distrito e 179 nos demais assentamentos. Até o fim da campanha, a meta é vacinar 3 mil bovinos e bubalinos em todo o município.

 

A Secretaria de Desenvolvimento Rural reforça que quem não vacinar seu rebanho ou não declarar a imunização poderá pagar multa, ficar impedido de emitir a GTA (Guia de Trânsito Animal) e de comercializar a carne no município e região. Além disso, também não receberá a ficha sanitária que é exigida por instituições bancárias para a liberação de linha de crédito para o produtor rural.

 

“Nosso objetivo é conservar o rebanho saudável e, também, colaborar para que os pequenos produtores continuem comercializando seus produtos”, explicou Bruno França, secretário de Desenvolvimento Rural.

 

Quem ainda não vacinou o rebanho, basta comparecer à sede da Secretaria de Desenvolvimento Rural, que fica localizada na Rua José Rafael Cavalcanti, s/n°– Bloco C, no Bairro Pinheirópolis. O horário de atendimento vai das 7h às 13h, de segunda a sexta-feira. É necessário levar CPF, RG e repassar o endereço do local onde os animais deverão ser imunizados, além do quantitativo de doses a serem aplicadas. Outras informações podem ser obtidas através do telefone (81) 3701-1455.

PUBLICIDADE

Comentários