Conservadores emitem nota com críticas ao Deputado Fernando Rodolfo

NOTA À IMPRENSA DO GRUPO CONSERVADORES DE PERNAMBUCO

O Grupo Conservadores de Pernambuco vem a público repudiar a perseguição contra a liberdade de expressão promovida pelo Deputado Federal Fernando Rodolfo em desfavor de integrantes e parceiros ideológicos do grupo.

O Dep. Fernando Rodolfo afirmou que não votou a favor do chamado “Fundão Eleitoral”, porém segundo os portais da Câmara dos Deputados, Blog do Ranking dos Políticos e O Antagonista o referido deputado VOTOU SIM para ampliar o biolinário fundo eleitoral.

O VOTO SIM do Dep. Fernando Rodolfo foi dado ao lado de políticos como José Guimarães do PT (fomoso pelo caso de propina na cueca), Erika Kokay do PT, Aécio Neves do PSDB, Jandira Feghali do PCdoB, Maria do Rosário do PT, Paulo Pimenta do PT, entre outros políticos do lado oposto do espectro político que Fernando Rodolfo diz representar.

Diversos cidadãos, militantes de direita e eleitores do próprio deputado, que acompanharam a votação, ficaram indignados e emitiram críticas sobre o voto que aumenta o Fundão Eleitoral, todos dentro do exercício da liberdade de expressão.

O Dep. Fernando Rodolfo que chegou ao cargo por se dizer vítima de perseguição quando era jornalista ao criticar o Governo do Estado, hoje, de posse do poder e com toda uma estrutura que dão instrumentos à perseguição, tenta silenciar os cidadãos comuns que lhe criticam.

Fernando Rodolfo tem se utilizado de processos judiciais e ameaça de processos judiciais para silenciar os seus críticos.

Dentro da perseguição promovida, o deputado tem destacado eventuais insultos e falas mais exaltadas, porém tem se omitido de enfrentar seus eleitores para esclarecer o seu VOTO SIM A FAVOR DO FUNDÃO ELEITORAL.

A ampla maioria dos críticos do deputado o tratam de forma respeitosa, e o deputado tem todo o direito de buscar o judiciário para questionar as falas mais exaltadas, porém poderia pedir retratação ou censurar apenas as falas que entende ofensivas, e não buscar apagar todo o conteúdo, que é o que tem feito o deputado, calando aqueles com maior audiência.

Portanto, viemos a público repudiar a perseguição promovida pelo deputado contra cidadãos comuns, lembrando da liberdade que a nossa Constituição garante a todos os cidadãos em seu Artigo 5º, inciso IV: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato”.

Fontes:

https://www.oantagonista.com/brasil/quem-votou-a-favor-e-contra-reduzir-o-fundao-eleitoral/
https://www.camara.leg.br/internet/votacao/mostraVotacao.asp?ideVotacao=9347&numLegislatura=56&codCasa=4&numSessaoLegislativa=1&indTipoSessaoLegislativa=O&numSessao=33&indTipoSessao=E&tipo=uf

Comentários