Secretaria de Saúde de Caruaru realiza mutirão de combate ao Aedes aegypti

PUBLICIDADE

 

Considerando o período da Semana Santa, onde Caruaru recebe turistas de várias cidades do Brasil, e até do exterior, para participar dos eventos no município e em cidades circunvizinhas, a Secretaria de Saúde, através da Gerência de Vigilância Ambiental, planejou uma programação de combate ao vetor Aedes aegypti para prevenção de casos de Arboviroses na cidade.

O mutirão teve início no último dia 15, no Distrito de Rafael, Zona Rural de Caruaru, com visita domiciliar pelos Agentes de Endemias para inspeção e tratamento focal para o controle vetorial do Aedes aegypti e roedores; controle mecânico para eliminação de material inservível; ação de controle em depósitos de difícil acesso, além de Mobilização Social com o Projeto Aprender com Saúde. Ao todo foram 1.845 imóveis trabalhados e 85 Agentes de Endemias envolvidos.

A programação segue até o dia 28 de março passando pelo Alto do Moura, Cachoeira Seca, Riacho Doce e Itaúna.

Confira o cronograma:

*20 e 21 de março – Alto do Moura*
-Mutirão de visita domiciliar pelos Agente Comunitário de Endemias para inspeção e tratamento focal para o controle vetorial do Aedes aegypti e controle de roedores.
-Controle mecânico para eliminação de material inservível.
– Ação de controle em depósitos de difícil acesso.

*22 de março – Cachoeira Seca*
– Mutirão de visita domiciliar pelos Agentes Comunitários de Endemias para inspeção e tratamento focal para o controle vetorial do Aedes aegypti e controle de roedores.
– Ação de controle em depósitos de difícil acesso.
– Ação de controle biológico com distribuição de peixes larvófagos.
– Mobilização Social com o Projeto Aprender com Saúde.
– Limpeza, Remoção de materiais inservíveis e pintura de meio fio.

*28 de março – Riacho Doce e Itaúna*
– Mutirão de visita domiciliar pelos Agentes Comunitários de Endemias para inspeção e tratamento focal para o controle vetorial do Aedes aegypti e controle de roedores.
– Ação de controle em depósitos de difícil acesso.
– Ação de controle biológico com distribuição de peixes larvófagos.
– Mobilização Social com o Projeto Aprender com Saúde.
– Limpeza, Remoção de materiais inservíveis e pintura de meio fio.

PUBLICIDADE

Comentários