Cortejo de forrozeiros e Festival Flor & Ser MáFama levaram caruaruenses às ruas nesse domingo, 17

PUBLICIDADE

Nesse domingo (17), Caruaru viveu uma experiência inédita. Um cortejo com trios pé de serra, sanfoneiros e alunos da Escola de Música da cidade animou quem passava pelo Pátio do Forró até a Avenida Agamenon Magalhães. O cantor e compositor caruaruense Onildo Almeida, que imortalizou a Feira de Caruaru na voz de Luiz Gonzaga, esteve presente no evento, que fez parte das comemorações da I Semana do Forró, organizada pela Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru (FCTC) em homenagem ao Dia do Forró, comemorado no último dia 13.

“Excelente a ideia de fortalecer nossa cultura e valorizar o ritmo que deixou a nossa cidade conhecida. Caruaru não tem forró só no São João. Que essa seja apena a primeira edição”, comentou Sandra Magalhães, produtora cultural.

Para o vice-presidente da FCTC, Leonardo Salazar, o Dia Nacional do Forró não poderia passar em branco justamente aqui, a Capital do Forró. “A data não poderia ser comemorada da melhor forma, reunindo tantos músicos e tanta gente que gosta do ritmo. Estamos trabalhando para consolidar o título de Capital do Forró da cidade e vamos fazer muito mais”, pontuou.

O cortejo animou, também, quem foi prestigiar a quarta edição do Festival Flor & Ser MáFama, que trouxe como tema “Natal Solidário”. Pontos de arrecadação de alimentos e brinquedos foram montados ao longo da via e o material arrecadado será doado ao Lar das Crianças Pobres Nossa Senhora do Carmo, que fica no bairro Centenário. Até o fim do mês, doações serão aceitas e os interessados devem levar os donativos ao restaurante Barcelona Tapas e à Plural Loja Colaborativa. A próxima edição do Flor & Ser está prevista para o dia 4 de fevereiro e terá como tema o Carnaval.

PUBLICIDADE

Comentários