Véspera de São Pedro tem Pátio do Forró lotado

PUBLICIDADE

Público cantou em coro os sucessos da dupla Matheus e Kauan

Quatro atrações subiram ao palco nesta quarta-feira (28) no Pátio do Forró, no Parque de Eventos Luiz Gonzaga. A véspera de São Pedro teve chuva e uma multidão que acompanhou os shows cantando em coro junto com as atrações.

           Quem abriu a noite foi o caruaruense Benil, que levou para o público seu mais novo trabalho. “Todo cantor de forró sonha estar nesse palco. Quem canta sonha chegar no Maior e Melhor São João do Mundo. Toda vez é uma emoção maior, ainda mais lotado como está hoje”, conta.      

Buscapé e Arreio de Ouro, segunda atração da noite, levaram músicas de vaquejadas e sucessos consagrados do forró estilizado para o público. “A gente faz um repertório especial para o São João. Tem música que a gente nem precisa cantar, o povo puxa sozinho. É uma felicidade imensa ver os nossos fãs cantando junto”, contou Buscapé, em entrevista coletiva.

Para embalar os corações apaixonados, a terceira atração da noite nem precisou de sorte. A dupla sertaneja Matheus e Kauan, show mais aguardado da noite, comandou em coro as vozes no Pátio do Forró. “É um prazer voltar a Caruaru. Ano passado foi um dos melhores shows da nossa vida e esse ano não foi diferente. A festa é linda. A prefeitura está de parabéns por organizar um evento desse porte. É um orgulho estar no Maior São João do mundo”, disse Matheus.

A cantora Lia de Carvalho fechou a penúltima de noite de shows do São João de Caruaru. “Bate uma emoção gigante de subir nesse palco. É a minha primeira vez com meu show solo. Estou muito feliz de estar aqui e ter a oportunidade de cantar para essa multidão”, conta.

Alto do Moura – No penúltimo dia de festas juninas pela cidade, mais uma vez o Alto do Moura foi o local certo para o arrasta-pé. O forró teve início às 10h, no Polo Mestre Vitalino, com as apresentações de Banda Forró de +, Tuta Filho,  Giselle Couttinho, Toinho do Baião e Berg Santos. Apesar do número reduzido de forrozeiros, a visita a Casa do Mestre Vitalino continuava sendo o ponto mais procurado dos festejos. “Sempre que possível quando venho ao Alto do Moura visito essa casa, dessa vez trouxe esposa e filho para conhecerem um pouco mais da cultura”, comentou Ricardo Almeida, da cidade de Santa Cruz do Capibaribe.

São João nas Ruas – Nesta quarta-feira, 28, véspera de São Pedro, o bairro São João da Escócia recebeu a última apresentação do caminhão-palco do São João nas Ruas, que é um polo itinerante. Quem abriu a noite foi o Trio Expressinho do Forró que levou os forrozeiros a dançarem agarradinhos ao som de muito forró pé de serra. “Melhor do que está no pátio ou em qualquer lugar é você poder está no seu bairro e curtinho o São João do mesmo jeito, melhor ainda, do lado da sua casa e com a sua família. Bom demais!”, ressaltou o aposentado Luís Carlos Silva. Em seguida, o cantor Josildo Sá trouxe um repertório que homenageou artistas consagrados como o rei do baião, Luiz Gonzaga, além de Dominguinhos e Petrúcio Amorim. “Estou muito feliz em fazer um show para uma comunidade tão expressiva quanto essa. A apresentação foi linda!”, afirmou o cantor. Seu Luiz e os Comparsas encerraram os festejos juninos, no bairro, com muito arrasta-pé e diversão.

Estação Ferroviária – A Casa do Forró foi um dos espaços alternativos mais disputados do São João de Caruaru, na Estação Ferroviária. Durante os festejos juninos foram realizadas no local, diversas intervenções culturais com apresentações musicais, danças e oficinas. Esta quarta (28) foi o penúltimo dia funcionamento e diversas pessoas estiveram presentes para aproveitar o show de Valdir Santos no local, que além de cantor, foi o curador do projeto. Todos os anos em que esteve na ativa, a Casa do Forró sempre realizou a ação de escolher uma ONG ou instituição para presentear com algum instrumento musical. Este ano foi selecionada a ONG Maria Mãe de Misericórdia, do Bairro São João da Escócia, do município, onde 50 crianças fazem aulas de música. O instrumento escolhido foi o pandeiro, e 50 unidades foram entregues aos alunos da organização. “Para mim, como cidadão, foi uma alegria imensa ver na prática este projeto, que até já foi realizado há cerca de cinco anos, sendo que de forma mais modesta. Este ano ganhamos um espaço maior e melhor estruturado, que nos possibilitou uma integração maior com o público. Meu sentimento é de gratidão à Prefeitura de Caruaru que tive a sensibilidade de apoiar o projeto”, declarou Valdir. “Eu achei que foi um espaço que tava precisando aqui na Estação Ferroviária, para se brincar de forma reservada com a família, com mais tranquilidade. Vim desde o início com a minha mulher e nós aproveitamos bastante, principalmente o forrozinho de Valdir Santos e convidados”, comentou Lourinaldo de Araújo, de 62 anos, do Bairro São Francisco. A programação continua nesta quinta (29) a partir das 17h, com a apresentação da quadrilha junina do Centro de Convivência do Idoso. Após a apresentação será a vez do Balé Municipal entrar em cena, às 18h. A Quadrilha Koalinhas entra logo em seguida para fazer a apresentação de dança das mães abraçadas aos filhos bebês em sling. A Casa do Forró é um projeto idealizado pelo cantor Valdir Santos e conta com o apoio da Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru.

PUBLICIDADE

Comentários