Ney Franco afirma que deixa comando técnico do Sport com “consciência tranquila”

PUBLICIDADE

Demitido após a perda do título da Copa do Nordeste, o técnico Ney Franco diz que deixa o Sport com a “consciência tranquila”. Contratado no dia 27 de março, o treinador dirigiu o Leão em 17 partidas, somando seis vitórias, quatro empates e sete derrotas, um aproveitamento de apenas 43,1%. Sem se mostrar arrependido pela escolha de três zagueiros para a decisão, o treinador avaliou que a equipe fez uma boa partida diante do Bahia.

“Infelizmente, perdemos o título, mas o time fez um bom jogo diante do Bahia. Fizemos uma partida muito equilibrada diante de um Bahia muito forte e que vive um bom momento. Fizemos todo o trabalho possível e, mesmo com um jogador a menos, o time procurou o gol até os 48 minutos do segundo tempo. Não mudaria nada. Saio com a consciência tranquila”, defendeu-se o treinador.

“Não tenho arrependimento nenhum. Começamos bem o jogo, em cima do Bahia. Os jogadores entenderam a nossa forma de jogar. São atletas experientes que já jogaram no 3-5-2, no 3-4-3, no 4-3-3. Mas depois que perdemos um jogador (Rogério expulso aos 32 minutos do primeiro tempo) perdemos tudo o que treinamos”, completou.
Apesar do Sport está sem vencer há seis partidas e só contar com um triunfo nos últimos 11 compromissos, Ney Franco acredita que com o atual elenco, o rubro-negro pode fazer um bom papel no Campeonato Brasileiro e conquistar o título do Campeonato Pernambucano, contra o Salgueiro, dia 18 de junho, no sertão.

“O Sport tem um elenco qualificado e tem condições de fazer uma boa Série A, além de conquistar o título estadual e seguir na Copa Sul-Americana. Saio, mas vou ficar de longe torcendo para que o Sport melhore e consiga seus títulos. Nos últimos jogos os resultados não vieram, mas os números são bons. Conseguimos cinco classificações em mata-matas, algumas inesperadas, mas infelizmente perdemos a primeira em uma final. Aceito a troca com naturalidade”, encerrou o ex-treinador rubro-negro.

 

Do SuperEsportes

PUBLICIDADE

Comentários