Covid-19 e Influenza A: boletins diários da Secretaria de Saúde 

A Secretaria de Saúde de Caruaru informa que, até esta sexta-feira (21), foram registrados 36.865 casos de Covid-19, sendo 34.879 leves, 78 novos casos e 722 óbitos. Já de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) foram registrados 1.986 casos. Nenhum novo óbito foi registrado hoje.

Foram confirmados também 600 casos para a Influenzavírus A, subtipo H3N2, sendo 568 casos leves e 32 casos graves. Nenhum novo caso foi confirmado hoje. Não há registrado de óbito pela doença no município, até o momento.

Fontes:

Ministério da Saúde (e-SUS Notifica, MS – Casos Leves até 20/01/2022)

Cievs PE – Secretaria Estadual de Saúde (Notifica PE – Cievs PE – Casos Graves e Óbitos até 20/01/2022).

Prefeitura de Caruaru abre nove vagas de emprego para operador de videomonitoramento

A Secretaria de Administração (SAD) divulga mais um processo seletivo, que foi aberto, neste início de ano, a fim de preencher postos de trabalhos temporários na Prefeitura de Caruaru. Desta vez, as oportunidades são para operador de sistema de videomonitoramento na Secretária de Ordem Pública (Secop). Ao todo, nove vagas se encontram em aberto, sendo oito de ampla concorrência e uma para pessoa com deficiência.

As inscrições poderão ser feitas desta segunda-feira (24) até o próximo dia 28, por meio do portal https://www.selecoes.caruaru.pe.gov.br. De acordo com o edital da SAD/Secop, a seleção será realizada através de análise curricular, bem como cada candidato só pode concorrer a uma vaga. Há exigência de ensino médio completo para uma carga horária de 44 horas semanais.

Em caso de dúvidas, os candidatos podem enviar e-mail para o endereço selecoespmc@gmail.com ou entrar em contato pelo telefone (81) 3721-8507 (Ramal 212), em horário de atendimento, das 8h às 13h.

Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa é celebrado em Caruaru

A Prefeitura de Caruaru, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SDSDH), celebra o Dia Mundial da Religião, nesta sexta-feira (21).

A data foi proposta pela Assembleia Espiritual Nacional (1949), promovida pelos Bahá’ís, religião fundada por Bahá’u’lláh, na região da Pérsia, com o objetivo de promover o diálogo inter-religioso, a tolerância e o respeito.

No Brasil, o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, instituído pela Lei Federal nº 11.635, de 27 de dezembro de 2007, é celebrado em alusão à morte da lalorixá baiana Gildásia dos Santos e Santos, conhecida como Mãe Gilda, fundadora do terreiro de candomblé Ilê Asé Abassá.

A candomblecista teve sua casa e seu terreiro invadidos por um grupo de outra religião, e foi acusada de charlatanismo. Após a publicação de uma matéria jornalística, intitulada “Macumbeiros e Charlatões lesam o bolso e a vida dos clientes”, Mãe Gilda e o marido foram perseguidos, sofreram várias agressões físicas e verbais, e depredações dentro do espaço religioso. Após o ocorrido, ela teve um infarto fulminante e morreu.

“A intolerância religiosa é quando um indivíduo ou determinado grupo tem dificuldades de respeitar crenças religiosas diferentes das suas, e usa de atitudes preconceituosas ou de violências para impor suas opiniões. No Brasil, a Lei nº 7.716/89, alterada pela Lei nº 9.459/97, considera crime a prática de discriminação ou preconceito contra religiões”, explica a gerente de Promoção e Defesa dos Direitos Humanos da SDSDH, Joana Figueiredo.

Caso sofra ou presencie algum tipo de intolerância religiosa, você pode fazer uma denúncia anônima ao Disque 100. E, em caso de mais informações, pode contar com o Núcleo de Apoio e Fortalecimento em Direitos Humanos Luis Gama, localizado na Av. da República, 557, Divinópolis, Caruaru.

Governadores do Nordeste cobram ao Ministério da Saúde a compra urgente da CoronaVac para crianças

Foto: divulgação/ Governo de SP

O Consórcio Nordeste, em ofício assinado pelo seu novo presidente, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, cobrou ao Ministério da Saúde a compra urgente da CoronaVac para a vacinação infantil. O documento foi enviado ao ministro Marcelo Queiroga nessa quinta-feira (20), dia em que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o uso emergencial do imunizante produzido pelo Institituto Butantan no Brasil para a aplicação em adolescentes de 6 a 17 anos.

Mãe de Bolsonaro morre aos 94 anos

Olinda Bolsonaro, mãe do presidente Jair Bolsonaro, morreu na madrugada desta sexta-feira (21), aos 94 anos. O anúncio foi feito pelo presidente em suas redes sociais. A causa da morte ainda não foi informada.
“Com pesar o passamento da minha querida mãe. Que Deus a acolha em sua infinita bondade”, escreveu ele no Twitter. Olinda Bolsonaro estava internada no Hospital São João, em Registro, no interior de São Paulo, desde a última segunda-feira (17).

Ela morava em Eldorado (SP), que fica a aproximadamente 52 quilômetros de distância de Registro e não conta com hospital de referência.

Bolsonaro viajou na manhã desta última quinta-feira (20) para Paramaribo, no Suriname, e chegou à cidade por volta de 12h, no horário de Brasília. Essa era a primeira parada de uma viagem que duraria dois dias e também incluiria a Guiana.

Mortes por Covid-19 no Brasil chegam a 622,2 mil

Imagem: NIAID

O número de mortes por covid-19 no Brasil chegou a 622.205. Em 24 horas, o país registrou mais 350 óbitos. Na quarta-feira (19), o painel de informações da pandemia marcava 621.855 óbitos. Ainda há 3.089 mortes em investigação. Os óbitos em investigação ocorrem pelo fato de haver casos em que a causa da morte do paciente ainda demanda exames para ser definida.

A quantidade de pessoas que pegaram covid-19 ao longo da pandemia foi para 23.585.243. Da quarta para a quinta, foram confirmados 168.495 novos diagnósticos da doença. Quarta-feira, o total de casos em um dia foi recorde: 204.854. Até então, o sistema de informações do Ministério da Saúde sobre a pandemia contabilizava 23.416.748 casos acumulados.

Ainda há 1.111.116 casos em acompanhamento, de pessoas que tiveram o quadro de covid-19 confirmado. Na quarta-feira, o número estava em 946.592.

O total de infectados com a variante Ômicron chegou a 1.407 – ontem eram 811. Do total registrado nesta quinta-feira (20), foram identificados 569 casos no Amazonas, 156 no Rio de Janeiro e 145 em Pernambuco. Foram registrados dois óbitos até agora. Ainda há 1.080 potenciais casos em investigação, a maioria no Rio de Janeiro (561), no Rio Grande do Sul (243) e em Minas Gerais (182).

Até esta quinta-feira, 21.851.922 pessoas tinham se recuperado da doença.

Os dados estão no balanço divulgado nesta noite pelo Ministério da Saúde. A atualização reúne informações sobre casos e mortes enviadas pelas secretarias estaduais de saúde.

Dados da pandemia de covid-19 atualizados pelo Ministério da Saúde no dia 20/01/2022
Dados da pandemia de covid-19 atualizados pelo Ministério da Saúde no dia 20/01/2022 – 20/01/2022/Divulgação/ Ministério da Saúde

Estados

Segundo o balanço do Ministério da Saúde, o estados com maior número de mortes por covid-19 é São Paulo (156.165), seguido por Rio de Janeiro (69.637), Minas Gerais (56.895), Paraná (40.955) e Rio Grande do Sul (36.578).

Já os estados com menos óbitos resultantes da doença são Acre (1.854), Amapá (2.033), Roraima (2.084), Tocantins (3.980) e Sergipe (6.069).

Vacinação

Até esta quinta-feira, foram aplicados 343,3 milhões de doses de vacina contra a covid-19, das quais 162,5 milhões foram da primeira dose, 148,8 milhões da segunda ou dose ou dose única. A dose de reforço já foi dada a 29,3 milhões de pessoas.

Agência Brasil

Covid-19 e Influenza A: boletins diários da Secretaria de Saúde – 20.01.22

A Secretaria de Saúde de Caruaru informa que, até esta quinta-feira (20), foram registrados 36.787 casos de Covid-19, sendo 34.801 leves, 87 novos casos e 722 óbitos. Já de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) foram registrados 1.986 casos. Nenhum novo óbito foi registrado hoje.

Foram confirmados também 600 casos para a Influenzavírus A, subtipo H3N2, sendo 568 casos leves e 32 casos graves. 4 novos casos foram confirmados hoje. Não há registrado de óbito pela doença no município, até o momento.

Fontes:

Ministério da Saúde (e-SUS Notifica, MS – Casos Leves até 19/01/2022)

Cievs PE – Secretaria Estadual de Saúde (Notifica PE – Cievs PE – Casos Graves e Óbitos até 19/01/2022).

Raquel Lyra filia vice-prefeito de Paranatama Claudeilson Oliveira

Foto: Tiago Calazans

“Claudeilson tem uma história de compromisso com o povo do Agreste Meridional e hoje está se filiando ao nosso partido e colocando seu nome à disposição para uma pré-candidatura a deputado federal. Na política, o partido tem uma relevância imensa com uma história de  respeito pelos filiados, mandatários e lideranças. A gente faz política por convicção, para construção de um lugar diferente”, afirmou a presidente do PSDB Pernambuco e prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, ao abonar a ficha de filiação do vice-prefeito de Paranatama, Claudeilson Oliveira, nesta quinta, 20.

“Estou à disposição do PSDB para representar a população da minha cidade e da região e construir junto ao partido as nossas propostas para que Pernambuco volte a a ser o estado melhor para o Agreste e para todos os pernambucanos”, destacou o novo filiado Claudeilson Oliveira.

A montagem das chapas proporcionais é uma das prioridades de Raquel para fortalecer o PSDB no estado. A deputada estadual Alessandra Vieira, o ex-deputado Ramos, os ex-prefeitos Joaquim Neto (Gravatá), Edson Vieira (Santa Cruz do Capibaribe), Izaías Régis (Garanhuns) e Flávio Nóbrega (Surubim), e o ex-senador Douglas Cintra também são importantes lideranças políticas e alguns dos pré-candidatos pelo PSDB.

Antes da filiação, a programação de Raquel Lyra nesta quinta também contou com  visita insituicional ao prefeito de Jupi, Marcos Patriota e reunião  com  comerciantes e empresários no município de Saloá. Os ex-prefeitos Izaías Régis (Garanhuns) e  Débora Almeida (São Bento do Una) e lideranças da região acompanharam a agenda.

Banco do Brasil volta a ser eleito o mais sustentável do mundo

Foto: Marcelo Camargo

Pela terceira vez, o Banco do Brasil (BB) foi eleito o banco mais sustentável do mundo pelo ranking Global 100, da empresa canadense de pesquisa Corporate Knights. A instituição financeira havia conquistado a liderança no segmento bancário em 2019 e em 2021.

Nos últimos dez anos, o BB apareceu no ranking das 100 corporações mais sustentáveis do mundo em sete. Entre as companhias brasileiras, o banco foi a empresa mais bem posicionada, ocupando o 21º lugar geral de sustentabilidade em todo o mundo.

Segundo a Corporate Knights, a carteira de negócios sustentáveis do Banco do Brasil, atualmente com saldo superior a R$ 282 bilhões, foi o destaque para a classificação no ranking. Formada por linhas de crédito que financiam atividades com retorno socioambiental, a carteira é submetida a avaliação independente e usa critérios internacionais para definir projetos e empreendimentos sustentáveis.

Entre os segmentos financiados pela carteira, estão os setores de energias renováveis, eficiência energética, construção, transporte e turismo sustentáveis, água, pesca, floresta, agricultura sustentável, gestão de resíduos, educação, saúde e desenvolvimento local e regional.

O ranking foi divulgado durante o encontro anual do Fórum Econômico Mundial, evento que reúne líderes mundiais e empresários em Davos, na Suíça, ao longo desta semana. Lançado em 2005, o ranking Global 100 lista as 100 grandes corporações mais sustentáveis do mundo. Ao todo, cerca de 7,3 mil empresas com receita anual de mais de US$ 1 bilhão por ano foram avaliadas.

O ranking avalia as dimensões econômica, ambiental e social de grandes companhias. Baseada em dados públicos publicados pelas empresas, a pesquisa considera 21 indicadores de desempenho, entre os quais gestão financeira, de pessoal e de recursos; receita obtida de produtos e de serviços com benefícios sociais e/ou ambientais; e desempenho da cadeia de fornecedores.

O Banco do Brasil faz parte de índices de bolsas de valores que consideram empresas sustentáveis do ponto de vista ambiental e social, como o Dow Jones Sustentability Index, da Bolsa de Nova Iorque, nas categorias mercados globais e emergentes, o FTSE Good Index Series, da Bolsa de Londres, e o Índice de Sustentabilidade Empresarial da B3, a bolsa de valores brasileira.

Agência Brasil