Prefeitura de Caruaru participa do encontro do Selo UNICEF

O evento reúne na ‘Capital do Agreste’ equipes do Fundo das Nações Unidas para a Infância e parceiros nesta quinta (24) e sexta-feira (25)

Representantes dos 123 municípios pernambucanos inscritos na atual edição do Selo UNICEF participarão do segundo ciclo de capacitações do Selo UNICEF – Edição 2017- 2020. Em Caruaru, os encontros com as equipes do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e parceiros acontecerão nesta quinta (24) e sexta-feira (25), com 62 municípios participantes. O evento será realizado no Caruaru Park Hotel, das 8h às 16h e contará com a presença da prefeita do município, Raquel Lyra.

A programação incluirá a apresentação da situação atual dos indicadores de impacto social dos municípios participantes, além de um detalhamento de como as cidades estarão agrupadas para a avaliação do UNICEF e de que forma esse monitoramento será feito. É a partir da melhoria dos indicadores que os municípios que obtiverem os melhores resultados até 2020 serão certificados.

Cada município deve estar representado pelo articulador do Selo UNICEF, o mobilizador de adolescentes, o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e, pelo menos, um adolescente que participa do Núcleo de Cidadania dos Adolescentes (NUCA). A gestão municipal de Caruaru será representada pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos.  Esses representantes têm papel fundamental nas ações necessárias para a conquista do Selo UNICEF. A programação visa ainda iniciar a organização do Primeiro Fórum Comunitário, garantindo que a população possa participar da elaboração do Plano de Ação pelos Direitos das Crianças e Adolescentes.

“Esse encontro apresenta os indicadores sociais monitorados, ou seja, o ponto de partida. Esperamos que os participantes conheçam e entendam essas linhas de base e sintam-se preparados e motivados a implementar as atividades necessárias”, esclarece a especialista em programas do UNICEF, Jane Santos. De 11 indicadores monitorados, a exemplo da taxa de registro civil de crianças recém-nascidas, abandono escolar, distorção, idade e ano escolar, entre outros, os municípios precisam evoluir em pelo menos sete, além de realizar algumas ações de validação.

A especialista em programas do UNICEF reforça que os números estipulados são o mínimo que o município precisa alcançar ao fim da edição para ser certificado, mas a recomendação é que a gestão busque um número maior de pontos para potencializar uma evolução nas políticas públicas voltadas aos direitos das crianças e adolescentes. “O Selo UNICEF é uma iniciativa que traz mudanças reais para o município, mas para isso é preciso um trabalho intersetorial e integrado de gestão com foco em resultados concretos”, destaca Jane.

Adolescentes – Com uma programação também direcionada aos adolescentes, que estarão presentes nos encontros de Caruaru, a expectativa é que eles saiam da capacitação sentindo-se mais aptos a implementar o NUCA de cada cidade, instrumento primordial para a mobilização, organização e participação dos meninos e meninas, e iniciativa obrigatória para o alcance do Selo UNICEF. Também está previsto um debate de orientação sobre a promoção da saúde do adolescente e direito à saúde sexual e reprodutiva, que culmina com uma dinâmica apresentação.

✅Serviço:

Evento: Encontro do Selo UNICEF

Dias: 24.05.18 (quinta) e 25.05.18 (sexta)

Local: Caruaru Park Hotel

Horário: 8h às 16h

————————————-
A metodologia e conquista do Selo UNICEF

A situação da infância e adolescência nos municípios pode ser expressa por meio de indicadores sociais que estão diretamente relacionados aos impactos que o Selo UNICEF pretende alcançar. A metodologia do Selo UNICEF propõe que os municípios conheçam e acompanhem o desempenho de 11 indicadores de impacto social e desenvolvam estratégias para melhorá-los. Para gerar evolução nos indicadores, é fundamental que os municípios desenvolvam ações, programas e políticas públicas. A tabela abaixo resume e articula os principais componentes do Selo UNICEF na Edição 2017- 2020, relacionando os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) com os quais o Selo UNICEF busca contribuir aos impactos esperados na melhoria das condições de vida de crianças e adolescentes nos municípios, expressos e acompanhados por meio dos indicadores propostos.

O Selo UNICEF

A Edição 2017-2020 do Selo UNICEF conta com a participação de mais de 1.919 municípios de 18 estados brasileiros, que assumiram junto ao UNICEF o compromisso de implementar políticas públicas para redução das desigualdades e garantir os direitos das crianças e dos adolescentes previstos na Convenção sobre os Direitos da Criança e no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Os municípios são agrupados, dentro de seus estados, considerando suas características demográficas e socioeconômicas. Durante cada edição, o UNICEF capacita gestores e técnicos das secretarias municipais e conselheiros de direitos e adolescentes para qualificar a elaboração e execução das políticas públicas e para estimular que elas continuem mesmo após o fim de cada edição.

O sucesso do Selo UNICEF é resultado da parceria entre UNICEF e governos estaduais e municipais por meio da atuação integrada entre diferentes níveis de governo voltados às crianças e adolescentes. Mais informações sobre o Selo UNICEF em www.selounicef.org.br.

Sobre o UNICEF – O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) promove os direitos e o bem-estar de cada criança em tudo o que faz. Com seus parceiros, trabalha em 190 países e territórios para transformar esse compromisso em ações concretas que beneficiem todas as crianças, em qualquer parte do mundo, concentrando especialmente seus esforços para chegar às crianças mais vulneráveis e excluídas.

Petrobras anuncia redução de 10% no Diesel

O presidente da Petrobras, Pedro Parente, anunciou na noite desta quarta-feira (23) a redução de 10% no diesel nas refinarias e disse que vai manter a redução por 15 dias.

A redução representa menos R$ 0,26 no litro do diesel.

“É uma medida de caráter excepcional. Não representa uma mudança de política de preço da empresa”, disse Parente. “São 15 dias para que o governo converse com os caminhoneiros.”

Nos últimos dias, Parente afirmou que não iria promover uma alteração na política de preços da empresa.

A subida do preço do combustível nas últimas semanas provocou uma série de manifestaçõe no país.

CAOS: Postos em Caruaru começam a ficar sem combustíveis

Por conta dos protestos dos caminhoneiros que já entra para o 3° dia seguido em todo o País, contra os aumentos sequenciais no preço dos combustíveis, vários postos estão sem o reabastecimento do líquido.

Em Caruaru, Vários Postos estão sem gasolina, etanol e diesel. E com tanta alta assim no valor da gasolina principalmente, tinha posto esta semana parcelando em até 3 vezes no cartão. Filas estão se formando nos poucos lugares que ainda estão ofertando combustível.

A situação está atingindo também o transporte público urbano que circula na cidade. As empresas de ônibus já estão trabalhando com frota reduzida a partir desta quarta-feira, 23, em Caruaru. Táxi e Uber também estão alterando a rotina.

Alto do Moura oferece inédito “Salão do Artesanato em Barro” no São João de Caruaru

De 9 a 30 de junho, mostra terá 40 estandes com peças de artesãos do município

Um dos locais de maior visitação durante o período junino, o Alto do Moura, ganhará, pela primeira vez dentro da programação do São João, um espaço chamado “Salão do Artesanato em Barro”, que reunirá 40 estandes de peças em barro em exposição.

O evento terá uma estrutura montada ao lado do Centro de Atendimento ao Turista (CAT) do Alto do Moura, de 09 a 30 de junho, funcionando apenas nos sábados e domingos, das 10h às 17h. O Salão conta com a parceria do Sebrae/PE, que oferece, além da exposição, oficinas de capacitação a todos os artesãos participantes, tais como: exposição de produtos, formação de preços, entre outras.

O Alto do Moura conta com lojas e ateliês dos principais artesãos da cidade, muitos deles funcionando nas próprias residências dos ceramistas e artistas. Entre tantos artesãos, encontram-se sinalizados no Alto do Moura os ateliês de: Manoel Inácio, Elias, Luís Galdino, Família Vitalino, Cícero José, Zé Galego, Ednaldo José, Luiz Antônio, Família Zé Caboclo, Marliete Rodrigues, Ernestina, Ademilson, Família Manuel Eudócio, Heleno Rodrigues, Luiz Bernardino, Terezinha Gonzaga, Família Galdino e Zezinho Muriçoca.

Vale ressaltar que o Alto do Moura possui o título de Maior Centro de Artes Figurativas das Américas, o que caracteriza o local de grande importância para a identidade cultural do município.

Influenza: Pernambuco já vacinou 61,2% do público

 Até a manhã desta quarta-feira, 23, 1.469.728 pessoas foram vacinadas contra a influenza em Pernambuco. O quantitativo representa 61,2% do total de 2.399.361 pernambucanos inclusos nos grupos prioritários. O público formado pelas puérperas está com o maior percentual vacinal, de 84,8%. Já entre as crianças de 6 meses a menores de 5 anos, apenas 49,6% já foram imunizadas.

 

O objetivo do Estado é atingir, pelo menos, 90% do público total até o final da campanha, em 1º de junho. Até o momento, os municípios que já atingiram a meta foram: Santa Maria do Cambuca (100,56%), Abreu e Lima (96,87%) e Igarassu (90,37%).

 

Podem se vacinar contra a influenza: idosos, crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas (mulheres que tiveram filhos até 45 dias), trabalhador de saúde, professores, povos indígenas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional. Também contempla pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais: doença respiratória crônica, cardíaca crônica, renal crônica, hepática crônica, neurológica crônica; diabetes, imunossupressão, obesos, transplantados e portadores de trissomias.

 

Em doenças agudas febris moderadas ou graves, recomenda-se adiar a vacinação até a resolução do quadro. As pessoas com história de alergia a ovo, que apresentem apenas urticária após a exposição, podem receber a vacina da influenza mediante adoção de medidas de segurança. A vacina é contra-indicada para pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores bem como a qualquer componente da vacina ou alergia comprovada grave relacionada a ovo de galinha e seus derivados.

 

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO – Até o dia 12 de maio, Pernambuco registrou 687 casos de síndrome respiratória aguda grave (Srag), quadro que pode ser provocado por diversos agentes (vírus, bactérias) e é caracterizado pela necessidade de internação de pacientes com febre, tosse ou dor de garganta associado à dispneia ou desconforto respiratório. Do total de casos, 26 tiveram resultado laboratorial confirmado para influenza A(H1N1), 13 para influenza A(H3N2) e 1 para vírus sincicial respiratório (VSR). No mesmo período de 2017, foram 806 casos de Srag, com 63 confirmações para influenza A(H3N2), 19 de influenza B, 3 VSR e 1 parainfluenza1.

Em 2018, também foram registrados seis óbitos de Srag com resultados laboratoriais confirmados para influenza – cinco de influenza A(H1N1) e um de influenza A(H3N2) –, enquanto que em 2017, no mesmo período, foram cinco óbitos, todos com identificação da influenza A(H3N2).

“Maio Amarelo” ancora nas escolas municipais de Caruaru

A Secretaria de Educação, em parceria com a Escola Pública de Trânsito do DETRAN, realiza, nesta quarta (23) e quinta-feira (24), nos turnos da manhã e da tarde, nas escolas da rede municipal de ensino, atividades do movimento internacional de conscientização para a redução de acidentes no trânsito – “Maio Amarelo”.

Durante os encontros, a Turma do Fom Fom irá às unidades de ensino para chamar a atenção dos alunos para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo, além de conscientizar os estudantes sobre a importância de um trânsito mais seguro.

A atividade envolve mais de 1.300 estudantes das escolas Escola José de França, Maria José de França, Assentamento Macambira e Manoel Félix de Almeida, na zona rural e também Leudo Valença, Nossa Senhora de Fátima e Pedro de Souza, na área urbana.

Hoje (23), a programação está sendo realizada na Escola José de França, no Sítio Caldeirão. Já na parte da tarde, às 14h, as atividades acontecem no auditório da FAFICA. Na quinta-feira (24), as ações têm continuidade também, no segundo horário, na faculdade citada acima.

Curiosidades:

A cor amarela foi escolhida em alusão à sinalização de advertência, utilizada nos semáforos. Por isso ficou conhecida como a cor da atenção pela vida. Já o mês de maio é em alusão ao Dia Mundial da Segurança Viária e do Pedestre, com a realização da Semana Mundial de Segurança do Pedestre, lançada em 2013. Outra referência mundial ao mês é a realização do balanço das ações concretizadas desde que a Organização Mundial das Nações Unidas (ONU) decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito.

Estado alerta para a importância do Registro Civil e de Nascimento

Considerado como o primeiro passo para o exercício da cidadania, a certidão de nascimento é um direito de todo cidadão brasileiro e por isso o documento é emitido gratuitamente nos cartórios. No entanto, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2017, 4,53% dos recém-nascidos não foram registrados. Neste ano, acredita-se ter passado dos 5%. Para alertar a população sobre a problemática, Pernambuco marca o dia 22 de maio como a data estadual de Mobilização para o Registro Civil e de Nascimento.

O Estado combate os números de crianças sem certidão de nascimento com o programa Minha Certidão, que visa a garantia do acesso ao registro civil de nascimento, por meio da interligação, via internet, das maternidades públicas e privadas conveniadas ao Sistema Único de Saúde (SUS), com os Cartórios de Registro Civil do Estado, para emissão da certidão na maternidade, antes mesmo da alta hospitalar. “O programa surgiu do compromisso assumido pelo Governo do Estado na erradicação do sub-registro de nascimento. Em conjunto com diversas outras ações, programas e atividades o número de sub-registros em Pernambuco vem baixando. Em 2008, havia aproximadamente 11,13% de sub-registro. Já em 2015, esse número baixou para 3,54%, abaixo do nível de 5% tido como aceitável pela Onu (Organização das Nações Unidas). Atualmente, o programa funciona em mais de 35 maternidades e 42 cartórios”, pontua o superintendente de Políticas para Criança e Juventude, da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude.

O Programa, coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ), por meio da Secretaria Executiva de Políticas para Criança e Juventude (SEPCJ), tem instalada em cada maternidade uma Unidade Interligada de Atendimento, que utiliza como ferramenta o Sistema Estadual de Registro Civil (SERC), software desenvolvido pela Agência Estadual de Tecnologia da Informação (ATI), que permite a comunicação entre cartórios.

Em 2017, as 88 Unidades de Saúde em Funcionamento (UIs) somaram 31.679 crianças registradas. Em 2018, os número chegam a 5.518. O Minha Certidão realizou desde que foi implementado, em 2008, 253.620 registros. No Recife, os hospitais da Mulher, Agamenon Magalhães, Barão de Lucena, Imip, Português, Maternidade Professor Barros Lima, Policlínica e Maternidade Arnaldo Marques estão entre as opções. “O grande ganho é sem dúvida o acesso à documentação civil básica ainda na unidade de saúde. O Registro de nascimento é a primeira garantia de direito do cidadão e, através dele, tanto a criança quanto a família passam a ter acesso aos benefícios socioassistenciais e de saúde”, pontua o gerente de Políticas para Criança, Macdouglas de Oliveira.

Moradores das Rendeiras clamam por mais segurança no bairro

Na manhã desta quarta-feira, 23 de Maio, os bandidos voltaram a fazer arrastões nas paradas de ônibus no Bairro das Rendeiras. Por volta das 06h e 30min, dois elementos em uma moto, assaltaram os moradores que estavam na parada de ônibus que fica em frente a Panificadora Pão de Mel, levando os pertences dos trabalhadores, estudantes e daqueles que estavam iniciando o dia rumo a suas atividades.

De acordo com o radialista Ailton Moreno, que mora no bairro, a situação tem ficado cada vez mais aterrorizante com a ação violenta dos bandidos. “Estou aqui pedindo que mais uma vez as autoridades políciais façam alguma ação, principalmente nesse horário da manhã e nos horários que as pessoas voltam ao trabalho depois do almoço. Não temos segurança e saímos de casa com medo”, relatou Moreno.

“Já que temos uma viatura em nosso bairro, que o comandante da polícia nos ajude. E, quem foi vítima destes meliantes denuncie as autoridades policiais”, clamou o radialista, Ailton Moreno.

Destra convoca moradores das imediações do Pátio de Eventos para cadastramento de veículos

A Autarquia Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transportes (Destra) inicia na próxima sexta-feira, 25, o cadastramento dos veículos de moradores das ruas no entorno do pátio de eventos. A ação é fundamental para garantir o acesso às residências que ficam em áreas de bloqueio durante o mês de junho.

O cadastramento será realizado na Destra, localizada na avenida José Mariano de Lima, 69, bairro Universitário, nos dias 25,28,29,30 e 31 de maio, sempre das 8h às 17h. O morador deve comparecer na sede da Autarquia com o veículo que receberá o adesivo de identificação e apresentar CNH, CRLV e comprovante de residência.

Serão cadastrados os veículos dos moradores das seguintes áreas:

Rua Antônio Satu;
Rua Agnelo Dias Vidal;
Rua Berlim;
Rua Cleto Campelo;
Rua Dr. Júlio de Melo;
Rua Evaristo da Veiga;
Rua Frei Caneca;
Rua João Tavares;
Rua Manoel Surubim;
Rua Paris;
Rua Pedro Gonçalves Filho;
Rua São Vicente de Paula;
Avenida Coronel Limeira;
Travessa Manoel Surubim.

Comitê Maio Amarelo faz balanço parcial de ações

O Comitê do Maio Amarelo em Caruaru divulgou o primeiro número parcial dos estudantes que participaram das Palestras Educativas. Até ontem 1413 alunos em dezenas de escolas da Rede Pública Estadual, Particular de Caruaru e de Faculdades.

Este ano além de ser criado o “Comitê do Maio Amarelo 2018 Caruaru”, foi lançado também o Concurso de Redação: “Maio Amarelo em Palavras”, onde no dia 30 de Maio, na Roda de Conversa final, no Auditório do Sest/Senat, será reconhecido o aluno vencedor e o professor acompanhante.

Segundo o Diretor da 4ª CIRETRAN, Raffiê Dellon, além de educar o atual condutor, a base educacional torna-se primordial: “O Comitê Maio Amarelo tem cumprido um excelente papel, além do atual condutor, trabalhar na estratégia do condutor do amanhã. Até o dia 30, queremos ultrapassar o número de 2 mil estudantes. Só se transforma uma sociedade se for pela educação”. Comentou. A agenda continua nesta quarta-feira, pela manhã no Colégio Estadual Nelson Barbalho, e a tarde na Escola Estadual Dom Vital.